COMPARTILHAR

Raul Jungmann (à esquerda) e Joaquim Silva e Luna: mudanças no governo – Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

BRASÍLIA – O governo anunciou, nesta segunda-feira, Raul Jungmann para o novo Ministério Extraordinário de Segurança Pública. Jungmann deixa o Ministério da Defesa. A nova pasta vai assumir a maior parte das ações federais em segurança, incorporando a Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal. Para chefiar a Defesa, o governo indicou interinamente o general Joaquim Silva e Luna, atual secretário-geral da pasta. Esse ministério foi criado por Fernando Henrique no seu segundo mandato, em 1999, e Silva e Luna será o primeiro militar a ocupá-lo. Uma medida provisória será editada nesta segunda pelo presidente Temer com as nomeações.