COMPARTILHAR

O vice primeiro-ministro turco Bekir Bozdag disse que a Turquia já prendeu aproximadamente 4.000 militantes do Estado Islâmico entre 2011 e 2018, incluindo mais de 1.850 estrangeiros, conforme informou a mídia local nesta segunda-feira (5).

Bozdag também disse que mais de 12.500 pessoas, incluindo 5.654 estrangeiros, foram detidos no período sob suspeita de integrarem o ISIS.



De acordo com o político, a Turquia matou 3.000 terroristas em uma operação na Síria e outros 1.000 no Iraque.

Nos últimos anos, o país turco foi alvo de inúmeros atos terroristas envolvendo curdos e militantes radicais islâmicos, principalmente do ISIS. Em resposta, as forças de segurança da Turquia fizeram operações anti-terrorismo em diversas partes do país. Com informações da Folhapress.