COMPARTILHAR

Para o vice-líder da oposição na Câmara Federal, deputado Henrique Fontana(PT-RS), a pesquisa de intenção de voto divulgada nessa terça-feira (6), encomendada pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT/MDA), ilustra o impasse vivido pelo Brasil.

“Como o País supera uma crise institucional e econômica sendo dirigido por presidente ilegítimo e absolutamente rejeitado pela população?”, questionou o parlamentar, ao ressaltar que, de acordo com o levantamento, apenas 1 em cada 100 brasileiros estaria disposto a entregar a presidência a Michel Temer.



Por outro lado, ele destaca a liderança inconteste de Lula em todos os cenários da pesquisa. O ex-presidente vence as simulações de segundo turno contra qualquer um dos candidatos.

+ Quando Lula pode ser preso? Saiba quais são as alternativas do petista



“Há uma confusão neste grupo, que governa com Temer, mas quer se esconder dele. Mas o povo percebe isso e rejeita as candidaturas de Bolsonaro, Alckmin, Rodrigo Maia, Dória e Luciano Huck, porque sabe que todos eles representam o mesmo projeto, a continuidade deste governo”, analisou Fontana.

Para Fontana, isso ocorre porque a população está percebendo que “estamos dentro de um golpe e que este golpe foi dado para retirar direitos, especialmente do povo mais pobre e trabalhador”. Por fim, o deputado gaúcho destacou que o objetivo do golpe também foi estabelecer um projeto antinacional, “de desnacionalização da economia e de venda a preço vil do patrimônio estratégico do nosso País.”