COMPARTILHAR

Um confronto entre servidores municipais de São Paulo e agentes Guarda Civil Metropolitana deixou feridos na Câmara Municipal da cidade, na tarde desta quarta-feira (14).

O confronto ocorreu durante a tentativa de aprovação de um projeto de lei que altera o programa de previdência dos servidores municipais. Houve tentativa de invasão da Câmara e bombas de efeito moral e pedras foram lançadas. Há pelo menos uma pessoa ferida.

+ 93% das escolas municipais de SP aderem à greve contra reforma de Doria

O projeto de reforma da previdência seria apreciado pela Comissão da Constituição e Justiça nesta tarde.

Composto majoritariamente de sindicatos de professores, o grupo de centenas de manifestantes entoou gritos de "retira" [o projeto], fez pressão, e impediu a realização da sessão da CCJ no salão nobre. Após empurra empurra entre manifestantes e guardas, uma funcionária saiu ferida, com o rosto sangrando.

Comments

comments