COMPARTILHAR

O Congresso Nacional do Povo da China aprovou neste sábado, horário local, a eleição do presidente Xi Jinping para um segundo mandato.

Em votação secreta realizada na quinta sessão plenária da 13ª convocação da legislatura chinesa, o atual chefe de Estado recebeu o apoio que já era esperado, após cinco anos de liderança na consolidação da China como superpotência. Ele também foi apontado como chefe da Comissão Militar Central do país.



+ Tese de ação russa em crime contra espião é questionada

O político de 64 anos foi eleito em 2013 para o seu primeiro mandato. Recentemente, o parlamento chinês decidiu acabar com os limites de mandato para o presidente, permitindo, na prática, que Xi permaneça no poder indefinidamente.



Logo após saber da notícia, o presidente russo, Vladimir Putin, parabenizou o colega asiático pela reeleição. Segundo a TV chinesa, Putin enviou um telegrama a Xi. Com informações do Sputnik.