COMPARTILHAR

A adolescente de 16 anos suspeita de jogar o filho recém-nascido em um riacho no bairro Thomaz Guedes, em Tatuí (SP), afirmou que achava que o bebê estaria morto. A mãe estava assustada com a gravidez e contou que escondeu a gestação dos pais, segundo informou o comandante da Guarda Civil Municipal, Fábio Luciano Leme.

“Não sabemos informar ainda se a criança nasceu sem vida ou se ela nasceu normal e mesmo assim, a menina o colocou dentro do saco plástico e o jogou no riacho, porque como ela disse em entrevista ao Conselho, o bebê nasceu na quarta-feira (14), mas só o encontramos ontem (sexta-feira, 18). Então agora só um laudo pericial é que pode identificar as causas da morte”, explica.



De acordo com o G1, o corpo do bebê foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) em Itapetininga onde exames serão realizados para apontar as causas da morte. A adolescente também foi levada ao IML onde vai passar por perícia.