COMPARTILHAR

A vereadora Marielle Franco (PSOL), assassinada na última quarta-feira (14), foi eleita no Rio de Janeiro com mais de 46 mil votos nas eleições de 2016. Segundo destaca a Folha de S. Paulo, parte expressiva de seu eleitorado estava em bairros nobres do Rio.

Onde Marielle teve a maior quantidade de votos é a zona eleitoral a que reúne Cosme Velho e Laranjeiras, na zona sul da cidade. As dez zonas em que ela se saiu melhor incluem ainda Botafogo/Flamengo e Gávea/Leblon, redutos de classe média-alta.



Na zona eleitoral formada pelo Complexo da Maré, comunidade onde cresceu, e pelos bairros de Bonsucesso e Ramos, Marielle teve 1.688 votos. Em Cosme Velho/Laranjeiras, 2.237, onde foi escolhida por 8,2% dos eleitores.

Além disso, a vereadora do PSOL foi bem votada em regiões como Jardim Botânico/Lagoa, com 6,9% dos votos, e Botafogo/Urca, com 6,2%.



Marielle teve votos em todas as quase cem zonas eleitorais do Rio e foi a quinta mais votada na eleição. Era a sua primeira disputa.

A publicação refere que o desempenho positivo de Marielle em áreas centrais e da zona sul do Rio pode estar ligado à performance naquela campanha de seu padrinho político, Marcelo Freixo (PSOL), que concorreu a prefeito. Freixo, de quem ela foi assessora na Assembleia Legislativa, liderou a votação no primeiro turno da eleição de 2016 em bairros como Copacabana e o Centro. Na região de Cosme Velho/Laranjeiras, chegou a 39,5% dos votos, seu melhor índice naquele turno.