COMPARTILHAR

A cantora e atriz turca Zuhal Olcay foi condenada a 10 meses de prisão por insultar o presidente da Turquia Recep Tayyip Erdoğan durante um show em 2016.

De acordo com uma reportagem veiculada nesta quinta-feira (22) no jornal Hurriyet Daily News, Olcay teve a prisão decretada após mudar a letra de uma música e incluir um verso que dizia: "Recep Tayyip Erdoğan é todo vazio. É totalmente mentira".Além da mudança da letra, a cantora de 60 anos também fez um gesto com as mãos que é considerado um insulto.



Em seu depoimento, Olcay disse que só usou o nome do presidente porque ele encaixava na música e não tinha nenhuma intenção de insultá-lo. Já o gesto, a cantora alega que foi feito para uma pessoa da plateia. (Sputnik)