COMPARTILHAR

O presidente Michel Temer (MDB) afirmou nesta sexta-feira (23) que sem aplausos do povo, não é possível governar.

Temer surpreendeu ao pedir que a população se aproximasse do palco durante a inauguração de uma obra de irrigação num povoado de Xique-Xique (BA), a 590 quilômetros de Salvador.



"Eu vou determinar que retirem essas grades para vocês virem para frente", disse antes de começar a discursar. Em dois minutos, moradores da região ocuparam a área destinada a autoridades enquanto aplaudiam o presidente.

De calça social e camisa branca com as mangas arregaçadas, ele também abandonou o púlpito para falar na beirada do palco com um microfone nas mãos.



O tom informal e a aproximação com o público reforçam a pretensão eleitoral de Temer, tornada pública pela primeira vez nesta semana. Na terça (20), ele afirmou que sua candidatura não era improvável.

+ Cármen Lúcia diz que julgamento foi interrompido para evitar exaustão

+ Defesa pressiona STF a pautar habeas corpus de Palocci

Em entrevista a uma rádio local na quinta (22), voltou a dizer que está pensando sobre concorrer à reeleição. O principal desafio do emedebista é seu índice de aprovação de apenas 4%.

"Saio com a alma animada com o entusiasmo do povo", afirmou.

O motivo da boa recepção do público foi o fim de uma espera de décadas por uma obra de irrigação para incentivar a agricultura na região.

PROMESSA

"Muitos prometeram e não cumpriram. E o senhor sem falar nada, quieto, sereno, marcou data e veio inaugurar", afirmou o prefeito de Xique-Xique, Reinaldo Teixeira Braga Filho (MDB), referindo-se a Temer."Nosso dever é entregar obra inacabada, paralisada por falta de pagamento, como fizemos com a transposição do Rio São Francisco", disse Temer.

O presidente assinou uma medida provisória que permite aos pequenos agricultores usarem seus lotes como garantia para o financiamento da produção junto aos bancos.

Esse era um dos entraves burocráticos para a implantação do projeto de irrigação. O canal de 42 quilômetros que distribui água do rio São Francisco começou a ser construído em 1999 e, desde 2013, aguarda o funcionamento efetivo.

Também estavam presentes na cerimônia o ministro da Integração, Helder Barbalho (MDB), o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (PSD), e o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM).

Temer anunciou ainda o refinanciamento para micro e pequenas empresas e enfatizou o trabalho conjunto do governo com o Congresso e o povo.

A comitiva chegou à Bahia de helicóptero depois de uma viagem de avião até Petrolina (PE). Nesta sexta, o presidente ainda tem compromissos numa montadora de veículos e na Hemobras, em Recife (PE).

IRRIGAÇÃO

O evento na Bahia faz parte de uma agenda positiva de Temer no Nordeste para exaltar a retomada da economia. Foram inauguradas as primeiras duas etapas do Projeto de Irrigação do Baixio do Irecê, implantado pela Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba), empresa pública ligada ao Ministério da Integração.

Nestas primeiras etapas, o canal vai irrigar 16,5 mil hectares de terras entre Xique-Xique e Itaguaçu da Bahia. O canal parte do povoado de Boa Vista do Santo Antônio, em Xique-Xique.

A ideia é desenvolver a agricultura, principalmente a plantação de frutas. A Codevasf estima que serão criados 11 mil empregos diretos e 14 mil indiretos.

O projeto completo, com nove etapas, prevê expandir em 47 mil hectares a área para agricultura na região semiárida, beneficiando 250 mil pessoas e gerando 60 mil empregos diretos e 120 mil indiretos, segundo a Codevasf. Com informações da Folhapress.