COMPARTILHAR

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enfrentou contratempos na manhã desta segunda-feira (26) na sua chegada ao Paraná.

Manifestantes bloquearam acesso de sua caravana à cidade de Francisco Beltrão, obrigando Lula a entrar em carro de passeio para chegar ao centro da cidade.



O bloqueio provocou um congestionamento de três quilômetros na estrada. Impedida de prosseguir, a caravana ficou parada por 40 minutos, sob o forte sol, em um posto de gasolina na beira da estrada.

+ TRF-4 nega últimos recursos e Lula depende do STF para não ser preso



Por motivos de segurança, assessores do ex-presidente afirmaram que ele estava almoçando, dentro do ônibus, no momento em que Lula já se encaminhava para a praça central da cidade.

Antes de optar por essa estratégia, a caravana ficou parada por 15 minutos à beira da estrada definindo que destino tomar.

Os manifestantes estão ameaçando impedir o embarque de Lula em avião rumo a Foz de Iguaçu. Um caminhão está estacionado na via que dá acesso ao aeroporto.

Em seus primeiros 90 km percorridos no Paraná, Lula transitou sem escolta da polícia do estado.

O juiz Márcio de Lima tenta neste momento viabilizar um acordo com os manifestantes para desobstrução da estrada. Com informações da Folhapress.