COMPARTILHAR

Imigrantes venezuelanos devem receber um curso de noções da língua portuguesa a partir da quarta-feira (28). O grupo formado por índios da etnia Warao terá aulas três vezes por semana.

A ação integra o Programa de Inclusão Socioeducacional da Escola da Prefeitura de Manaus. Entre o conteúdo ministrado no curso "Português Instrumental" estão: "Gramática: substantivos, adjetivos e pronomes", "Falando sobre eventos no presente e verbos mais usados", "Construção de frases", entre outros.



A carga horária do curso é de 32 horas. As aulas vão de quarta-feira (28) a 2 de maio, às segundas, terças e quartas-feiras, das 8h às 10h, em Alfredo Nascimento, onde o grupo está abrigado, de acordo com o G1.

Leia também: Câmara prioriza projeto que proíbe casamento de menores de 16 anos