COMPARTILHAR

Os presos da Operação Skala voltaram a ser interrogados neste sábado (31) na Sede da Polícia Federal em São Paulo por determinação da procuradora-geral da República, Raquel Dodge. As informações são do jornal O Globo.

De acordo com a reportage, Dodge solicitou presença de integrantes da PGR nas oitivas. Entre os nomes que prestaram depoimento hoje, estão o advogado e amigo do presidente Michel Temer José Yunes, o ex-ministro Wagner Rossi e seu ex-assessor Milton Hortolan.



+ Mariz afirma que Temer está 'muito aborrecido' com prisão de amigos

Com os novos depoimentos, os investigadores pretendem identificar possíveis contradições nos depoimentos já dados entre quinta e sexta-feira.



A operação, deflagrada na última quinta-feira (29), apura supostos benefícios à empresa Rodrimar no Decreto dos Portos.