COMPARTILHAR

Dois hotéis sociais do Programa Braços Abertos, criado pela gestão do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), terão de ser reabertos pelo atual mandatário da capital paulista, João Dória (PSDB).

Batizados de Santa Maria e Impacto, eles atendiam 28 e 38 dependentes químicos, respectivamente, e estão localizados na região da Cracolândia, no centro da cidade. Eles foram fechados entre o final de janeiro e o início de fevereiro sob a alegação de que "apresentavam falhas graves de segurança e higiene, mostrando-se totalmente inadequados para a recuperação dos dependentes químicos".



+ Após 4 anos, réus do caso do menino Bernardo ainda aguardam julgamento

Liminar, a decisão pela reabertura foi proferida pelo juiz Randolfo Ferraz de Campos, da 14ª Vara de Fazenda Pública. O pedido partiu, de acordo com o G1, da Defensoria Pública de São Paulo, a partir de ação elaborada pelos núcleos especializados de Cidadania e Direitos Humanos e dos Direitos do Idoso e da Pessoa com Deficiência. A prefeitura vai recorrer.