COMPARTILHAR

O acidente com a jovem Thais Souza Machado, de 26 anos, que teve o braço arrancado por uma lancha que puxava um "banana boat" no domingo, em Guarujá (SP), foi contado em detalhes pelo marido da vítima, o metalúrgico Leandro Lougan.

Ele afirma que ambos estavam em uma prancha de stand-up paddle – Leandro em pé e Thais, sentada – quando a embarcação veio em alta velocidade.



+ Boneco de Lula como presidiário é furado no Recife; assista

"Eu tenho 1,80m e não é possível que o piloto não tenha me visto, por isso eu acredito que ele não olhava para frente. Eu estava em pé, enquanto ela estava sentada à minha frente. O bote veio pela nossa direita e só deu tempo de falar para pular", contou ao G1. "O bote estava muito rápido. Quando ele passou por nós, a Thais gritou que não estava sentindo mais o braço. Foi desesperador", completou.



Thais passou por cirurgia no Hospital Santo Amaro e não tem previsão de ser transferida para Campinas (SP), onde mora.

Notícias ao Minuto