COMPARTILHAR

A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, usou suas redes sociais para se pronunciar sobre a decisão do juiz Sérgio Moro de decretar a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nesta quinta-feira (5). O petista tem até as 17 horas de amanhã para se apresentar na superintendência da Polícia Federal (PF) de Curitiba (PR).

"Violência sem precedentes na nossa história democrática. Um juiz armado de ódio e de rancor, sem provas e com um processo sem crime, expede mandado de prisão para Lula, antes de se esgotarem os prazos de recurso. Prisão política, que reedita os tempos da ditadura", disse por meio do Twitter.



+ Lula: 'Sonho do Moro é me deixar pelo menos um dia na cadeia'

A ordem de Moro foi dada após o Supremo Tribunal Federal (STF) negar, ontem (4), durante julgamento no plenário da Corte, habeas corpus que buscava evitar a prisão de Lula, após condenação em segunda instância.



Ele foi condenado, pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), a 12 anos e um mês de prisão, no caso do triplex no Guarujá (SP), pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.