COMPARTILHAR

O ato em apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao redor e dentro do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, começa a esvaziar. O caminhão de som, que vinha sendo usado para discursos de aliados, foi desligado.

Pouco a pouco os apoiadores do petista têm ido embora. No prédio, o terceiro andar tem contato com apresentações musicais, o que ainda mantém uma parte dos militantes. Lula está no segundo andar, em uma sala reservada, acompanhado de aliados. A expectativa é de que ele se pronuncie só amanhã, depois de missa em homenagem a Marisa Leticia. Com informações do Estadão Conteúdo.



Leia também: Mais de 50 cidades têm atos a favor do ex-presidente Lula