COMPARTILHAR

As contas privadas do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes estão em xeque.

Segundo o colunista Lauro Jardim, do jornal 'O Globo', o ex-subsecretário de Transportes do Rio de Janeiro, Luiz Carlos Velloso, diz que era o administrador de uma conta corrente do ministro, controlada pelo doleiro Júlio Manoel Lopes.



Em sua delação premiada, Velloso disse que, nesta conta, eram depositados pagamentos realizados pelo o ex-diretor de serviços e engenharia da Petrobras Renato de Souza Duque. Condenado pelo juiz Sérgio Moro a 20 anos e 8 meses de prisão, Duque teve a pena elevada para 43 anos e 9 meses em segunda instância de processo da Lava Jato.

Nardes foi o relator das pedaladas fiscais da ex-presidente Dilma Rousseff, relativas a contas de 2014.



Leia também: Ministra Rosa Weber poderia livrar Lula da prisão