COMPARTILHAR

O suposto líder do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) do Iraque e do Levante (EIIL) no Afeganistão, o uzbeque Qari Hikmatullah, teria morrido durante um ataque dos Estados Unidos na última quinta-feira, informou as Forças Armadas norte-americanas (USFOR) nesta segunda-feira (9).

De acordo com o comunicado, a morte ocorreu na província de Faryab, no dia 5 de abril, durante um bombardeio aéreo. O guarda-costas de Hikmatullah também foi atingido e não sobreviveu.



+ ONU: possível uso de armas químicas em ataque na Síria é repugnante

A região é considerada um dos redutos da minoria uzbeque afegã. Com a morte do terrorista, o uzbeque Mawlavi Habibul Rahman assumiu a liderança do EIIL, segundo as autoridades dos EUA. Com informações da Ansa.