COMPARTILHAR

O prefeito do Rio de Janeiro Marcelo Crivella (PRB) oficializou nesta segunda-feira (9) a liderança do vereador João Mendes de Jesus na secretaria dos Direitos Humanos e Assistência Social.

Assim como Crivella, Mendes de Jesus também é bispo da Igreja Universal do Reino de Deus. Ele é bacharel em economia e já dirigiu várias igrejas na Baixada Fluminense. Em 2006, seu nome já esteve envolvido na Máfia das Sanguessugas, em que parlamentares foram acusados de utilizar R$ 110 milhões na compra de ambulâncias superfaturadas em até 110%.



Com esta nomeação, Crivella já escolheu duas pessoas ligadas à igreja para o alto escalão da prefeitura. No início da gestão, o prefeito nomeou o ex-vereador Jorge Braz, também bispo da Universal, para o Procon Carioca. Ele deixou o cargo no último dia 3 para se pré-candidatar a deputado federal.

Leia também: Servidor do IBGE posta foto de arma como solução para 'cura gay'