COMPARTILHAR

O presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou nesta segunda (9) que a reunião com o ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, deverá acontecer em maio ou no início de junho.

O republicano disse que espera conseguir um acordo para dar fim ao programa nuclear do regime comunista. "Espero que seja um relacionamento muito diferente do que tem sido por muitos e muitos anos."



Horas depois, a agência KCNA informou que o norte-coreano fez relatório sobre as negociações com Seul e admitiu o diálogo com a Casa Branca.

"Kim realizou análise profunda e avaliação do desenvolvimento das relações com o Sul atualmente, e das perspectivas de um diálogo com os EUA." Com informações da Folhapress.



Leia também: 'Caso Rússia' investiga dinheiro ucraniano para Trump