COMPARTILHAR

O deputado afastado Paulo Maluf (PP-SP) apresentou melhora no estado de saúde, mas permanece internado internado sem previsão de alta, de acordo com o site G1. A informação é de boletim médico divulgado na noite desta quarta-feira (11) pelo Hospital Sírio-Libanês, de São Paulo.

Maluf foi internado na última sexta-feira (6) com quadro de metástase óssea causada por câncer de próstata, incontinência urinária e trombose venosa profunda, com atrofia em ambas as pernas, segundo o hospital.



O parlamentar foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a 7 anos e 9 meses de prisão por lavagem de dinheiro no período em que foi prefeito de São Paulo, entre 1993 e 1996. Ele foi transferido para a capital no último dia 30 para cumprir prisão domiciliar, depois de ter sido internado em Brasília, onde cumpria pena no Complexo Penitenciário da Papuda.

Uma juíza da Vara de Execuções Penas do Distrito Federal indicou irregularidades na prisão domiciliar, mas o ministro Dias Toffoli, do STF, manteve a decisão para que o parlamentar cumpra a pena em casa.