COMPARTILHAR

O surfista Pedro Ivo Simione, 41 anos, foi o herói de um casal que estava prestes a se afogar na praia da Enseada, no Guarujá, litoral de São Paulo, nessa quarta-feira (11).

Ele usou a prancha do filho Heitor para impedir que o casal de Araraquara se afogasse no mar.



Ao chegar à praia, Simione percebeu uma movimentação estranha na água. "Identifiquei uma situação de risco. Falei pro meu filho: 'tira o leash (corda de segurança) que o papai vai salvar vidas'. Ele me disse: 'papai, vou chamar o salva-vidas'. Só que eu demorei vinte minutos para salvar o casal e o salva-vidas só apareceu quando estávamos quase na beirada. A sorte é que apareceu uma viatura dos Bombeiros e uma moça correu para chamar. Foi muito punk", contou o surfista em entrevista ao UOL.

Simione afirma que já "perdeu as contas" de quantas vidas salvou em 30 anos de surfe. "Muitas vezes os salva-vidas não conseguem chegar a tempo na zona de arrebentação, mas nós estamos lá", diz ele sobre o papel do surfista no mar.



A publicação destaca que o casal pediu para registrar o salvamento em uma foto que foi postada nas redes sociais. "Já estava na areia quando o casal veio me agradecer e pedir para tirar uma foto. Fiquei emocionado. Foi muito gratificante, ainda mais porque no final de semana anterior tivemos três óbitos por afogamento na mesma praia", contou o surfista.