COMPARTILHAR

O balanço dos confrontos desta sexta-feira (13) na fronteira entre Israel e a Faixa de Gaza já contabiliza 700 palestinos feridos, de acordo com o Ministério da Saúde do território, citado pela agência local "Maan".

O número inclui 17 médicos, socorristas e jornalistas. Além disso, fontes disseram a outra agência palestina, a "Wafa", que um homem de 28 anos morreu.



Esta é a terceira sexta-feira de protestos na fronteira com Israel. Desde 30 de março, 33 palestinos já morreram e milhares ficaram feridos pelo Exército.Com informações da ANSA.

Leia também: Rússia diz que ataque químico na Síria foi forjado