COMPARTILHAR

Autoridades da cidade de Toronto, no Canadá, divulgaram o atropelamento de um grupo de pessoas efetuado por uma van na tarde desta segunda-feira (23). Os pedestres circulavam pela calçada da rua Yonge com a avenida Finch quando foram atingidos. O veículo seguiu em disparada após o atropelamento. Até o momento, segundo a agência AFP, as autoridades contabilizam dez mortos e 15 feridos.

Instates após o incidente, a polícia divulgou também a ocorrência de um tiroteio em outra região da cidade – o motorista fugiu do local mas acabou sendo preso..



O suspeito foi preso e identificado como Alex Minassian, de 25 anos.

Mark Saunders, chefe da polícia de Toronto, declarou: "Parece que ele não é de Toronto. Recebemos diversos depoimentos de testemunhas e ainda estamos procurando por testemunhas. Qualquer pessoa que viu algo pode nos ligar".



O primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, conversou com jornalistas e disse que "ainda estamos tomando conhecimento do que aconteceu em Toronto. Nossos corações estão com todos os atingidos".

Our thoughts are with all those affected by the terrible incident at Yonge and Finch in Toronto. Thank you to the first responders working at the scene – we're monitoring the situation closely.

— Justin Trudeau (@JustinTrudeau) 23 de abril de 2018

Leia também: Homem invade casa de Taylor Swift e é preso dormindo na cama da cantora