Home CEARÁ Transporte de aves ganha método mais eficiente

Transporte de aves ganha método mais eficiente

287
0

O Brasil é o maior exportador de carne de frango do mundo e o segundo maior produtor. Estima-se que o consumo anual por pessoa é de 41 quilos. Porém, esse mercado enfrenta um problema, a morte das aves transportadas, principalmente por conta do calor gerado pelo sistema de transporte, com o empilhamento de caixotes, causando abafamento.

Pesquisadores do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Ceará propõem uma solução para isso. A ideia é utilizar suportes entre os caixotes para criar espécies de corredores de ar, garantindo melhor refrigeração para o centro da pilha, local mais afetado pelo calor por estar distante das bordas e ter menos circulação de ar.

Veja a história completa na reportagem da UFC TV.

Previous articleUBT/ Maracanaú realiza sua primeira reunião
Next articleQual o cenário para o abastecimento hídrico de Fortaleza?
O Jornal Expresso CE, é um veículo da Publicmais -Edição de Jornais e Revistas, fundado em 15 de agosto de 2013., com edição impressa no formato tabloide, com circulação mensal em: Maranguape, Maracanaú, Pacatuba e Guaiúba e Edição Digital, dirigida para o Maciço de Baturité/CE. Mas, por conta da pandemia encerrou sua edição impressa em fevereiro de 2020, e a edição digital em agosto de 2021, quando o Jornal Expresso CE, completou 8 anos de atividades.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here