COMPARTILHAR

Centenas de pessoas se reuniram no Centro de Moscou neste domingo (13) para protestar pela "Internet livre". A manifestação ocorreu por conta da decisão das autoridades russas de bloquear o aplicativo de mensagens Telegram.

Segundo a France Presse, o protesto deste domingo foi muito menor do que o ato realizado no final de abril pelo mesmo motivo, que reuniu cerca de 8 mil manifestantes.



A manifestação foi autorizada pela prefeitura de Moscou. No entanto, segundo o grupo organizador, o OVD-Info, ao menos 20 membros de grupos nacionalistas foram detidos pela Polícia durante o protesto.

+ Filha de Raúl Castro lidera marcha contra homofobia em Cuba



Telegram

Em abril deste ano, o governo russo ordenou bloqueio do Telegram, aplicativo com 200 milhões de usuários, cerca de 7% na Rússia, até que o serviço viabilizasse a leitura de mensagens pelos serviços de segurança. O aplicativo negou o pedido.