COMPARTILHAR

Pré-candidato do PSDB à Presidência, o ex-governador Geraldo Alckmin divulgou um vídeo em que afirma que candidatos "presos ou soltos" exploram a crise provocada pela paralisação de caminhoneiros para se cacifar.

Na mensagem, de 1 minuto e 49 segundos, o tucano afirma que o governo Temer demorou a reagir, mas diz, que atendidas as reivindicações, os caminhoneiros deveriam voltar ao trabalho. Segundo ele, no entanto, oportunistas partiram para o caminho do caos.



+ Após remarcar data, PT relançará pré-candidatura de Lula na sexta

Na tentativa de se mostrar como o candidato da estabilidade, Alckmin afirma que a crise é um sinal da ameaça que esquerda e direita representam à democracia brasileira.



"Não podemos admitir que a população pague pelo oportunismo de candidatos presos ou soltos que estão usando a crise para se cacifar. Essa crise está mostrando com clareza a ameaça representada pelos radicais de esquerda e de direita. Os dois extremos querem o pior."