COMPARTILHAR

Após anúncio do governador Márcio França (PSB), a Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) informou que a medida de isenção dos eixos suspensos para caminhões vazios passará a valer às 0h desta quinta-feira (31), em São Paulo.

Segundo a nota, os 8,3 mil quilômetros do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo estarão operando no novo formato de cobrança.



+ Faltam hortifrutis, ovo e até pão em 22 capitais após dez dias

A medida trata-se de uma antiga reivindicação dos caminhoneiros. Nas carretas vazias, os eixos sobressalentes são mantidos suspensos por economia, o que não compromete a dirigibilidade do veículo. A vantagem é que, dessa forma, não ocorre o desgaste dos pneus.



Os sindicatos entendem que a isenção de pedágio é justificada porque, sem o contato do pneu com o solo, seria menor o desgaste do pavimento. Com informações da Folhapress.