COMPARTILHAR

A onda de calor sentida na Alemanha nos últimos dias deixou a sua marca em trechos da autoestrada do país. Segundo informações do Deutsche Welle, o autobhans, como é conhecido o sistema de autoestradas alemão feito de lajes de concreto, se "partiu" em ao menos três estradas pelo país.

O problema seria consequência da temperatura média registrada em maio deste ano, acima dos 30°C, considerada a mais alta para o mês desde 1989. As rodovias AI (que liga Bad Oldesloe a Bargteheide, situada no estado de Schleswig-Holstein) e A10 (perto de Berlim) tiverem trechos fechados até que os reparos sejam finalizados, além da A9, que está sendo monitorada em relação aos danos.



+ Baleia morre após comer 80 sacos plásticos

Segundo especialistas relataram à publicação, o fenômeno acontece quando o material das lajes de concreto não tem espaço suficiente para se expandir no calor. Por isso, as lajes tendem a empurrar as seções laterais, consequentemente se partindo. Os riscos aumentam em estradas nas quais foram registrados danos anteriores.