COMPARTILHAR

Apoiadores do pré-candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) começaram a espalhar em grupos de WhatsApp o número do celular do juiz federal Rogério Favreto, no plantão do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), que mandou soltar o ex-presidente Lula (PT) neste domingo (8).

O contato do magistrado está sendo distribuído com pedidos para que os contrários à decisão escrevam a ele para manifestar repúdio à decisão.



+ Desembargador plantonista no TRF-4 volta a pedir soltura de Lula

Bolsonaro, em vídeo nas redes sociais, condenou a soltura, dizendo que "pior que a corrupção no Brasil é a questão ideológica".



"Quase todas as instituições estão aparelhadas", disse, lembrando que o juiz foi filiado ao PT por quase 20 anos. Com informações da Folhapress.