COMPARTILHAR

Nesta terça-feira <810) foram salvos os 12 jovens e o treinador tailandeses que estavam presos em uma gruta, na Tailândia, desde o dia 23 de junho.

A história foi acompanhada, desde o início, por toda a comunidade internacional, e a expectativa para hoje – o último dia – era muita.



Não é por menos que a comunidade mundial tenham querido felicitar as equipes de resgate pelo trabalho feito para salvar os 13 elementos do time de futebol Wild Boars (Javalis Selvagens).

Entre as homenagens e comemorações, constam mensagem de grupos de futebol, como é o caso do Manchester United, que já endereçou um convite para que os jovens façam uma visita a Old Trafford.



De líderes políticos, como Donald Trump, de Theresa May ou o presidente do Sudão, que quiseram mostrar o seu contentamento com o final feliz desta história e dar os parabéns aos heróis que permitiram que assim fosse.

On behalf of the United States, congratulations to the Thai Navy SEALs and all on the successful rescue of the 12 boys and their coach from the treacherous cave in Thailand. Such a beautiful moment – all freed, great job!

— Donald J. Trump (@realDonaldTrump) July 10, 2018

Bhutan celebrates the rescue of the thirteen Wild Boars. Congratulations Thailand!Hooyah!!!#ThailandCaveRescue

— Tshering Tobgay (@tsheringtobgay) July 10, 2018

Delighted to see the successful rescue of those trapped in the caves in Thailand. The world was watching and will be saluting the bravery of all those involved.

— Theresa May (@theresa_may) July 10, 2018

E até o empreendedor Elon Musk, que disponibilizou uma espécie de submarino para salvar os rapazes, quis dar parabenizar a equipe, mesmo não tendo sido necessário utilizar o seu engenho.

"Ótimas notícias ao descobrir que conseguiram fazê-lo em segurança. Parabéns a uma equipe surpreendente", escreveu.

Great news that they made it out safely. Congratulations to an outstanding rescue team!

— Elon Musk (@elonmusk) July 10, 2018