COMPARTILHAR

As equipes de socorro vão tentar retirar nesta terça-feira (10) os cinco jovens que continuam presos em uma gruta inundada no norte da Tailândia, declarou à imprensa o chefe da célula de crise.

"Prevemos retirar os quatro rapazes e o seu treinador", disse Narongsak Osottanakorn.



Um médico e três mergulhadores dos comandos da marinha tailandesa, que ficaram junto do grupo desde que foi encontrado no início da semana passada, vão também sair hoje, acrescentou.

"Esperamos que as condições se mantenham favoráveis", afirmou.



+ Brasileiro que dá aula para menino preso em caverna se assusta: 'Magro'

A terceira operação de resgate teve início pelas 10h00 (01h00 em Brasília) e envolve 19 mergulhadores.

Quatro meninos e o técnico ainda tem de ser retirados do local. O treinador estaria bastante debilitado porque nos primeiros dias em que ficaram encurralados, cedeu seu alimento aos menores.

Segundo o jornal The Guardian, apesar da chuva forte durante a noite de segunda e madrugada desta terça, as condições na caverna não sofreram grandes alterações.

Nos últimos dois dias, oito das crianças presas há duas semanas, na gruta de Tham Luang, em Chiang Rai, no norte da Tailândia, foram resgatadas com sucesso. De acordo com as autoridades, elas encontram-se "saudáveis".

Os quatro primeiros rapazes retirados no domingo já tiveram um primeiro contato com as famílias. Com informações da Lusa.