COMPARTILHAR

Ao saber que um cidadão afegão de 52 anos estava prestes a ser deportado da Suécia para o Afeganistão, a jovem ativista Elin Ersson, 21 anos, decidiu comprar uma passagem para o mesmo voo e impedir a deportação. A ação foi filmada e publicada no Facebook.

As imagens da jovem universitária circularam o mundo e renderam elogios pela pela coragem e convicção pelo fato de tentar frustrar que o rapaz voltasse ao país dele.



+ Paquistão tem eleição com violência e denúncias de irregularidades

A jovem, assim como o afegão, foram retirados da aeronave depois de inúmeros pedidos da tripulação para que Elin se sentasse, ordem que decidiu não acatar.



Segundo o The Independent, a ativista poderá enfrentar a justiça sueca. A lei de aviação do país prevê que "qualquer passageiro que não obedeça às ordens do piloto no comando relativamente à ordem a bordo poderá enfrentar uma multa ou uma pena de prisão que pode ir até aos seis meses de prisão".

Até o momento, não foi possível verificar se o piloto deu alguma ordem à Elin Ersson.

Veja o vídeo abaixo: