COMPARTILHAR

São Paulo, 25 de outubro de 2018 — O Celcoin, aplicativo gratuito para pagamentos e transações financeiras, é responsável por movimentar R$ 51 milhões por mês no Brasil, sendo que 48% desse valor é concentrado na região Norte/Nordeste do país. Com mais de 11 mil agentes ativos, o aplicativo se tornou uma ferramenta importante em regiões com pouco acesso a serviços financeiros, pois possibilita o pagamento de contas e recarga de celulares diretamente pelo sistema.

Atualmente, o foco de atuação da empresa se concentra nas regiões Norte/Nordeste por encontrar uma oportunidade de democratizar o acesso a transações financeiras. Em estados como a Bahia e o Maranhão, por exemplo, o número de Agentes Celcoin ultrapassa a quantidade de unidades lotéricas.

O Celcoin representa atualmente de 10 a 20% da renda familiar dos agentes que operam pelo aplicativo, o que aponta a necessidade de um sistema acessível na manutenção e aquecimento da economia local”, aponta Marcelo França, CEO da startup.

Os dois maiores volumes da Celcoin se apresentam nos estados da Bahia, com 945 agentes e 60 mil clientes atendidos e do Ceará, com 660 agentes e 56 mil clientes atendidos. Outros grandes polos de mercado são Pará e Maranhão, onde são atendidos 34 mil clientes por mês, seguidos por Pernambuco com 30 mil clientes. Na região nordeste, os serviços que registram a maior demanda são o pagamento de contas e a recarga de celular, levando o número de agentes Celcoin superior ao número de lotéricas em todos os estados.

Com o Celcoin, autônomos, lojistas, microempreendedores e varejistas passaram a oferecer para seus clientes e contatos os serviços de recebimento de contas, recargas de celular, passagens de ônibus, planos de TV, jogos, bilhetes de transporte, tudo através do app. A cada transação que realizam eles recebem um bônus, que ajuda a compor uma renda extra.

O aplicativo espera processar mais de R$ 1 bilhão de reais em serviços em 2018. “Estamos muito contentes com o crescimento do Celcoin e, além de levar uma renda extra para milhares de autônomos e micro-empreendedores, esperamos levar também serviços financeiros para toda a população”, finaliza Marcelo.

Não demorou muito para a inovação do Celcoin ser reconhecida. Em menos de um ano, a empresa conquistou títulos importantes como “Melhor Startup do Brasil” concedida pela Seedstars World e “Melhor Fintech do País” eleita pelo pelo BBVA Open Talent, ambas em outubro de 2017. Em março deste ano, a Celcoin foi aprovada no Programa de Aceleração da Visa, participando de uma experiência no GSVlabs, atualmente maior aceleradora do Vale do Silício, nos EUA.

Fonte: NR-7 Comunicação

Comments

comments