COMPARTILHAR
As obras do Anel Viário, realizadas pelo Departamento Estadual de Rodovias (DER), vão trazer mudanças no acesso ao distrito da Pajuçara, em Maracanaú, a partir desta terça-feira, 6. Motoristas que circulam pelo Anel Viário devem ficar atentos as alterações nos trechos entre CE-060 e BR-116, em Maracanaú, situada a 22,5 quilômetros de Fortaleza. A duração prevista da alteração é de 60 dias.
Com a mudança, quem sai da Pajuçara, pela Avenida Central, em direção ao Anel Viário, deverá dobrar à esquerda e passar pela Rua Doutor Iran Eduardo Lima Filho, no Barroso. Só depois, poderá acessar o Anel Viário.
Já para quem vem pelo Anel Viário, sentido BR-116/CE-060, e pretende seguir pela Pajuçara, deverá entrar à direita pela Rua Novo Amanhecer, na Cidade Nova, em Maracanaú. Em seguida, deverá dobrar à esquerda na Avenida Radialista João Ramos, seguindo desvio já existente. Essas informações são da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra).
A obra
Após a finalização das obras, a ideia é de ser duplicado todo o trecho do Anel Viário, entre a rodovia CE-060 e a BR-116, uma das principais rodovias brasileiras. A mudança permitirá a melhoria no tráfego da Região Metropolitana de Fortaleza, principalmente em Caucaia, Maranguape e Maracanaú, região que conta com Distrito Federal e Central de Abastecimento do Ceará (Ceasa).
Até hoje, as obras têm avançado em vários pontos, principalmente na implantação dos viadutos da CE-060, em Maracanaú; da CE-065, em Maranguape; e da CE-040, no Eusébio. A pavimentação de trechos, implantação de retornos e desvios, antes e depois da CE-065, liberaram mais de oito quilômetros de trecho duplicado. Além disso, outros serviços localizados de alargamento de obras d’arte e terraplenagem para ciclovia.
As pontes situadas sobre o Rio Coaçu (próximo aos bairros de Engenheiro Luciano Cavalcante e Messejana), Rio Gavião (passa por Itaitinga e Pacatuba) e Rio Siqueira já foram concluídas. O entroncamento da CE-065, das BRs-020/222, da Nova Metrópole e do Tronco Norte também foram finalizados.

LARISSA CARVALHO

Jornal O POVO

Comments

comments