COMPARTILHAR

A morte de um casal, encontrado em um quarto do Olímpia Park Resort, no interior de São Paulo, na tarde desse domingo (6), está sendo investigada pela Polícia Civil. Uma das hipóteses é que a mulher, Rubia Alves de Oliveira, de 22 anos, tenha sido vítima de feminicídio. O suspeito, Edson Fernandes Lopes, 24, teria se matado após cometer o crime.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Ricardo Afonso Rodrigues, um botijão de gás estava ao lado dos corpos. "Ou os dois cheiraram o gás e acabaram morrendo pela inalação. Ou ele a matou e, depois, se suicidou. São em cima dessa duas hipóteses que estamos trabalhando", explicou o delegado, em entrevista à TV TEM.

+ Advogada publica fotos com nariz quebrado e denuncia agressão de ex

O casal morava em Guarulhos (SP) e estava na cidade prestando serviço terceirizado em uma pista de patinação que funcionava no resort. Testemunhas contaram à polícia que Rubia já vinha tentando terminar o relacionamento, mas Edson não aceitava a decisão dela.

Por meio de nota, o Olímpia Park Resort afirmou que lamenta o ocorrido e que está oferecendo todo apoio aos familiares e acompanhando a apuração do ocorrido.

Comments

comments