COMPARTILHAR

Mais um caso de feminicídio seguido de suicídio foi registrado em Vila Palmeira, na Zona Rural de Esperantina, no norte do Piauí. Um homem matou a ex-mulher e depois atirou contra a própria cabeça por não aceitar o fim do relacionamento. A vítima estava em uma festa na casa da irmã, quando o suspeito chegou no local e a chamou para conversar.

“As pessoas que estavam presentes contaram que não houve discussão, ele a chamou que imediatamente se aproximou e foi surpreendida pelo disparo. Logo depois, ele atirou em sua cabeça. Os dois morreram no local e somente a perícia pode confirmar em qual parte do corpo o tiro acertou”, disse o policial civil Edigar Saraiva.

+ Ataque a tiros dentro de bar mata criança de 8 anos na Bahia

A mulher, identificada como Eliane Sousa Paiva, deixa dois filhos, um de 12 anos e outro de 6 anos. “Testemunhas relataram para a polícia que o casal tinha terminado um relacionamento amoroso, mas ainda mantinham contato. O homem tentava reatar o casamento e talvez tenha sido isso a motivação do crime”, relatou o policial.

Notícias ao Minuto Eliane Sousa Paiva deixa dois filhos

Comments

comments