Home CEARÁ Em 8 dias, pelo menos 12 mulheres foram vítimas de feminicídio no...

Em 8 dias, pelo menos 12 mulheres foram vítimas de feminicídio no país

84
0

No oitavo dia de 2019, pelo menos 12 mulheres entraram para a estatística de feminicídio. A maioria das mortes foi registrada na região Sudeste do país. Cinco delas perderam suas vidas em São Paulo, quatro no Rio de Janeiro, duas no Nordeste e uma no Sul. O levantamento foi realizado pelo UOL, que considerou casos reportados pela imprensa.

Os crimes são praticados, em sua grande maioria, por companheiros ou ex das vítimas. Foi o caso de Tamires Blanco, 30 anos, assassinada a garrafadas por Dilson Araujo, que não teria aceitado o fim do relacionamento. O ato foi praticado em Piedade, zona norte do Rio. No estado vizinho, São Paulo, a adolescente Natasha Rodrigues, 14 anos, após se recusar a namorar com Deybson dos Santos, 20, foi morta por ele no último dia 3.

+ Advogada publica fotos com nariz quebrado e denuncia agressão de ex

Em Pernambuco, os primeiros dias do ano também foram violentos. No Agreste do estado, pelo menos duas mulheres foram vítimas de feminicídio. No dia 1º, Maria Rosa dos Santos, 51, foi golpeada com facão pelo companheiro, em Bezerros. Também no dia 1º, Rejane de Oliveira Silva, 24, foi assassinada a facadas na Zona Rural de Casinhas por não querer se relacionar com o suspeito do crime, o cobrador Joseildo da Silva Oliveira, 42.

+ Homem mata ex-mulher em festa da irmã dela e depois se suicida no PI

No Paraná, também no primeiro dia do ano, uma mulher de 25 anos, segundo a polícia, foi espancada e morta pelo marido no Balneário Inajá, em Matinhos, litoral do estado.

Previous articleCriança de 5 anos é baleada e morta durante tiroteio no Ceará
Next articleNúmero de ataques no CE sobe para 153 após mais ônibus serem queimados
O Jornal Expresso CE, é um veículo da Publicmais -Edição de Jornais e Revistas, fundado em 15 de agosto de 2013., com edição impressa no formato tabloide, com circulação mensal em: Maranguape, Maracanaú, Pacatuba e Guaiúba e Edição Digital, dirigida para o Maciço de Baturité/CE. Mas, por conta da pandemia encerrou sua edição impressa em fevereiro de 2020, e a edição digital em agosto de 2021, quando o Jornal Expresso CE, completou 8 anos de atividades.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here