COMPARTILHAR

A família identificou a cabeça humana encontrada na calçada do Passeio das Águas Shopping, em Goiânia. De acordo com a delegada Myrian Vidal, um irmão da vítima – cujo nome não foi revelado – viu a imagem em um aplicativo de mensagens, foi até o Instituto Médico Legal (IML) e constatou ser o parente. O corpo ainda não foi localizado.

O G1 destaca que a assessoria do shopping informou que “o caso está sendo investigado pela Polícia e que em nada se relaciona com o Passeio das Águas.”

+ Polícia já tem um suspeito do ataque à deputada Martha Rocha

Segundo a reportagem, a cabeça tinha cortes na testa gravando a sigla “TD2”, que trata-se de alusão à gíria “tudo dois”, que significa “tudo em paz”, termo também utilizado por facções criminosas.

Os parentes da vítima informaram que o homem saiu normalmente de casa na noite de sábado (12), mas não sabiam para onde ele teria ido.

A família tinha todos os documentos do homem, porém, o IML informou que a cabeça segue no local e, por segurança, serão necessários mais exames para confirmar a identidade.

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), investiga a motivação do crime e como ele ocorreu.

Comments

comments