COMPARTILHAR

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), afirmou nesta sexta-feira, 25, no Twitter que a atenção no momento é direcionada para socorrer as vítimas do rompimento da barragem do Córrego do Feijão, da Vale, em Brumadinho, na Grande Belo Horizonte, que aconteceu nesta sexta-feira, 25.

Zema afirmou também que todo o aparato do governo de Minas Gerais foi enviado para o local com o objetivo de prestar os primeiros socorros às vítimas e o suporte necessário aos moradores da região.



+ Zema, governador de MG, disse querer agilizar licenças para mineradoras

+ Bolsonaro se pronuncia sobre barragem e pode ir a Brumadinho amanhã



"Estava em deslocamento no interior do Estado, onde tinha compromisso, mas já estou a caminho de Belo Horizonte, local onde o governo de Minas instalou o gabinete de gestão de crise, assim que teve a notícia do ocorrido em Brumadinho", disse ainda.

Doria

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), colocou a Defesa Civil estadual à disposição do governo de Minas Gerais para ajudar nos trabalhos pelo rompimento da barragem. Em sua conta no Twitter, Doria prestou solidariedade às famílias atingidas e informou que falou com Zema.