COMPARTILHAR

A Acla – Academia de Ciências Letras e Artes de Columinjuba e a UBT – União Brasileira de Trovadores Secção Maranguape, com apoio da Fitec/PMM e o Centro Cultural Cascatinha, realizaram a SEMANA CAPISTRANO DE ABREU no período de 23 a 29/10/2019, diariamente das 8:30 às 20:30 horas, na Casa de Cultura Capistrano de Abreu, na Praça da Liberdade ao lado da Praça Capistrano de Abreu, no Centro de Maranguape.

A Exposição 166 anos de Capistrano de Abreu, celebrou o nascimento de João Honório Capistrano de Abreu na localidade de Columinjuba, no município de Maranguape em 23 de outubro de 1853. Portanto já são decorridos 166 anos, e seu legado agiganta-se a cada dia, através de seus discípulos e amantes da poesia.

Após a semana da exposição os trovadores Maranguapenses, marcaram promoveram várias atividades culturais desenvolvidas para fortalecer a memória do Mestre.

Fotomontagem: Paulo Roberto Neves Presidente da Acla

Algumas citações:

“Maranguape, terra boa / onde a história perdura / os heróis inda passeiam / revestidos de candura / o povo feliz se orgulha / por ser berço da cultura”. (Abelardo Nogueira, músico e escritor).

“O povo é o sujeito da história,

Dizia Capistrano de Abreu
Suas obras estão na memória
De quem esse ilustre filho não esqueceu.
De Columinjuba ao Rio de Janeiro
Sua brilhante trajetória é oficial
Jornalista, professor, historiador brasileiro
Foi Oficial da Biblioteca Nacional.

Dedicou sua vida ao estudo científico
História Colonial, Linguística e Etnografia
Como patrono a ACLA o considerou magnífico
Cujo legado é perpetuado nessa Academia. (Acla – Academia de Ciências Letras e Artes de Columinjuba)

(Edna Martiniano, Socióloga e Escritora)

Comments

comments