Home CIDADES Coronavírus: comportamentos certos e errados em tempos de pandemia

Coronavírus: comportamentos certos e errados em tempos de pandemia

30
0

Ao encontrar alguém

Dar as mãos, abraçar ou beijar pode transmitir o vírus, por isso é recomendado evitar o contato físico. Quando vir um amigo ou parente, dê um aceno de longe. Responder com um sorriso também está liberado.

Ao chegar em casa

Não ande com o sapato dentro de casa, para não trazer qualquer contaminação da rua. Deixei-os perto da porta. Bolsa, mochilas e chaves também devem ficar por ali. Coloque uma cadeira ou deixe uma mesa do lado da porta para apoiar esses objetos.

Se preferir higienizar esses itens, use um pano com álcool 70% ou uma solução de água sanitária. Misture 2 colheres de sopa de água sanitária com 1 litro de água e deixe na entrada da casa.

O infectologista Jean Gorinchteyn, do Hospital Emílio Ribas, fala da importância da higienização ao voltar para casa da rua. “O coronavírus não se espalha só por tosse, espirro e gotículas de saliva, mas também pelo toque de objetos que possam estar contaminados. Portanto, todo cuidado é importante para que a gente não leve o vírus para casa”, diz.

Ao voltar do supermercado

As embalagens das compras devem ser higienizadas antes de guardar. Pode usar álcool 70%, solução de água sanitária ou algum outro desinfetante de uso caseiro. O infectologista Luis Fernando Waib tem mais dicas.

Ao espirrar

Mesmo quando estiver sozinho, não espirre nas mãos. Proteja o nariz com o braço. Isso atrapalha a disseminação do vírus.

Ao manusear a máscara

Não encoste com as mãos na parte da frente ou de dentro da máscara. Para retirar e colocar, use as tiras laterais. Se for descartável, jogue diretamente no lixo. As reutilizáveis devem ser guardadas num saco plástico até a hora de lavar. A máscara não deve encostar em nenhum outro lugar, por isso evite guardar direto na bolsa ou colocar sobre uma mesa.

“Ao chegar em casa as máscaras devem ser lavadas”, diz o Dr. Jean Gorinchteyn. “Coloque elas num balde com um litro de água e duas a três colheres de sopa de água sanitária. Deixe por pelo menos 40 minutos e pendure no varal para secar. Quando estiverem secas, passe com ferro em alta temperatura.”

Depois de tudo isso

Mantenha as mãos limpas. Aprenda a maneira correta de lavar as mãos com água e sabão. Quando não for possível, use álcool em gel.

O infectologista Jean Gorinchteyn alerta: “se não tem álcool gel, se policie para não por a mão nos olhos, no nariz ou na boca até achar algum lugar em que você possa lavar ou higienizar com álcool gel.”

E, se puder, fique em casa.

Fonte: G1 CE

Previous articleHora do Empreendedor com Ibraim Gustavo
Next articleComeça terceira fase da campanha de vacinação contra gripe
O Jornal Expresso CE, é um veículo da Publicmais -Edição de Jornais e Revistas, fundado em 15 de agosto de 2013., com edição impressa no formato tabloide, com circulação mensal em: Maranguape, Maracanaú, Pacatuba e Guaiúba e Edição Digital, dirigida para o Maciço de Baturité/CE. Mas, por conta da pandemia encerrou sua edição impressa em fevereiro de 2020, e a edição digital em agosto de 2021, quando o Jornal Expresso CE, completou 8 anos de atividades.