COMPARTILHAR

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Sebastian Stan, 38, que ficou conhecido do grande público por viver Bucky Barnes em filmes do Universo Marvel, como "Capitão América", e também na série "Falcão e o Soldado Invernal", tem chamado atenção como protagonista do longa "Monday". Muito desse alarde se deve às cenas quentes e nas quais aparece nu no filme.

Em entrevista ao portal The Wrap, Stan explicou que ficar pelado não foi um problema, porque depois de assistir ao longa "Suntan", que foi dirigido por Argyris Papadimitropoulos, responsável também por "Monday", ele sabia que as cenas seriam feitas "sem rodeios".



"Se fosse verdadeiro e fizesse sentido, então tudo bem. Obviamente, a confiança era um grande problema aqui", pontuou Stan. "Eu sabia que estava tentando contar uma descrição tão honesta de um relacionamento que estaria aberto para o que quer que isso significasse, desde que permanecesse verdadeiro e fizesse sentido".

Stan comentou também o fato de algumas cenas terem sido feitas de improviso, algo com o que ele não estava habituado desde que entrou no mundo dos super-heróis. "É libertador. Você vem aqui e não se trata de tentar ter uma determinada aparência ou qual é a foto legal, embora eu ache que Argyris nos fez parecer muito legais ", disse ele.



"Parece uma experiência colaborativa. Você está muito mais envolvido como ator. Não está tão comprometido na criação do personagem, na cena e na história como estava aqui. 'OK, pegue este personagem e agora faça-o seu'", argumentou Stan.

"Monday", que estreou nesta sexta-feira (16) nos Estados Unidos, conta a história de Mickey (Sebastian Stan) e Chloe (Denise Gough), que se apaixonaram após serem apresentados por um amigo bêbado numa noite de verão em Atenas. O romance que dura um fim de semana é recheado de conversas e romance.